quinta-feira, 22 de maio de 2008

Atenção, senhores passageiros.

Aeroportos são lugares estranhos...
Estranhos e mágicos, ao mesmo tempo.

Gente chegando, gente partindo.
Gente chorando, gente sorrindo.

Lágrimas de alegria de quem chega.
Lágrimas de tristeza de quem fica.

Alívio de chegar. Alívio de partir.
Ansiedade de esperar. Por ir ou por vir.

Pousos. Decolagens.
Conexoes. Escalas.
Embarque. Desembarque.
Na verdade, um lugar de encontros e despedidas.

Uma viagem de prazer. Uma viagem de lazer. Uma viagem para conhecer. Uma viagem para esquecer. Uma viagem de ida. Uma viagem que muda a vida. Uma viagem de volta. Uma viagem sem volta. Uma viagem a trabalho. Uma viagem chata. Uma viagem sozinho. Uma viagem acompanhado. Uma viagem para encontrar. Uma viagem para desencontrar. Uma viagem para comprar. Uma viagem para vender. Uma viagem curta. Uma viagem longa. Uma viagem de fuga. Uma viagem sem culpa. Uma viagem para resolver um problema. Uma viagem que vai gerar um problema. Uma viagem para espairecer. Uma viagem com emoção. Uma viagem de promoção. Uma viagem para ver o filho. Uma viagem para ver a mãe. Uma viagem por amor. Uma viagem com sabor. Uma viagem de lua de mel. Uma viagem de lua de fel. Uma viagem eterna. Uma viagem de estreia. Uma boa viagem. Uma primeira viagem. Ou apenas mais uma viagem.

Eu já deixei minhas lágrimas nos aeroportos de todos os cantos do mundo. Lágrimas de saudade, de coragem, de tristeza, de desespero. Lágrimas por ir. Lágrimas por voltar. Lágrimas por deixar. E sempre fico imaginando o destino e o motivo da viagem de cada um, quem está triste, quem está feliz, quem está viajando pela primeira vez, quem está de primeira classe...

Além de viajar, levar ou buscar alguém no aeroporto também me leva as lágrimas. Esse lugar mexe comigo. Vai entender...

Hoje foi dia de levar. Daqui a 3 semanas é vez de viajar. E chorar. E voltar.

Boa viagem, Sis! Volta logo!

4 comentários:

Sis disse...

AMEI!!! Está lindo de morrer!! E chorei...

UtópicA disse...

"A hora do encontro é também despedida... Tem gente que chega pra ficar, tem gente a sorrir e a chorar... E assim, chegar e partir, são só dois lados da mesma viagem... o trem que chega é também o trem da partida..."

raf assump disse...

ótimo texto, como sempre ;-)
pra onde ela foi?
bjs

Rodolfo Barreto disse...

Em muitas viagens eu também gostaria de ter um flirt paralisante qualquer.