segunda-feira, 5 de maio de 2008

Inundada

Quando escolhi essa foto linda e poética para o novo lay out do blog, chovia, chovia e chovia! E é bem a cara da estação. Não que eu quisesse mais chuva, mas era o que vinha pela frente! Mais ou menos como hoje, como ontem.

A diferença é que hoje eu também estou chovendo por dentro. Estou cinza, nublada, 16º, ventando. Sem raios nem trovões, mas exatamente como o dia de hoje. Aquela chuva que não pára. Aquela chuva que não te deixa esquecer que está chovendo. E o pior é que a previsão não dá pinta que vai melhorar. O meu guarda-chuva de coração nunca chorou tanto, assim como o meu coração de guarda-chuva, galocha, capa de chuva, encharcado...

Me lembrei de várias músicas que tem a chuva como tema (Rain - Madonna, Me chama - Lobão, Lágrimas e Chuva - Kid Abelha, Chove Chuva - Jorge Ben) mas nenhuma delas se encaixa no meu tipo de chuva. Se eu tivesse que ser uma música hoje, eu seria um fado, como os da Amália, a Rainha do Fado.

Preciso saber se eu fugir da chuva para um lugar ensolarado vou conseguir me secar ou se a nuvenzinha do desenho animado está sobre a minha cabeça! Preciso encontrar o sol, o calor, as cores, mas não acho no mapa um lugar para me aquecer. Quero usar meus vestidos, meus óculos escuros, meus protetores solar. Quero um verão que se anuncia há tempos mas nunca chega. Cansei de esperar o sol. Cansei de ficar na chuva. Quero abrigo.

6 comentários:

Wilson disse...

que tal um pouco de papo furado numa "champanharia" bem simpática?

Gastón disse...

Un rayito de sol para mí
y un poco de aire para respirar;
un traguito de whisky
o mejor una boca para conversar.

Chegou ai meu rayito?

Beijo :0)

L. disse...

Sugestão: "When it Rains" do Brad Mehldau é uma música bonita que talvez vc ainda não conheça. Ah, e gostei bastante da "fotografia da vida real" de My Blueberry Nights.

=)

Fica bem.

Catarina Chagas disse...

Puxa... Escute "Here comes the sun".
Dias mais ensolarados para você!
Beijos

ANNA disse...

Obrigada a todos, queridos, comentários e afagos! Obrigada pelo whisky e pela champagne! Obrigada pelas dicas músicais! Nada como um dia após o outro! Nada como ver que tem gente com problemas mais sérios do que os nossos! Tudo passa! Até a chuva um dia passa!

Beijos!

Anônimo disse...

Não tem como fugir ao clichê: Depois da tempestade vem a bonança!
Um Raio de Sol e um Beijo carinhoso!
JC