domingo, 3 de agosto de 2008

Pool Party - The Best so far

Não tive muito tempo antes de viajar de ver o que estaria rolando em NY enquanto estivéssemos aqui, mas um dei uma olhada no Ticketmaster em busca de algum show que valesse a pena.

De cara, me frustei de ter perdido o que rolou no domingo passado, do MGMT, mas o que chamou atenção aqui foi "onde" era o show: JellyNYC Pool Party no McCarren`s Park, no Brooklyn. Parece interessante, né?

E esse domingo ia rolar de novo. Não conhecia nenhuma das bandas (mas isso não é um problema com MySpace e YouTube`s da vida). Achei que a parte mais difícil fosse convencer a Sis de ouvir um rockinho esperto. Ela ainda ficou na dúvida, não com o som que coloquei para ela ouvir, mas com o programa em si e pensou (alto): "E se for um show tipo no Piscinão de Ramos?"

Faz sentido, mas resolvemos apostar! As 2 da tarde estávamos lá. Uma super fila que chegamos a pensar duas vezes, mas ainda não tinha aberto para entrada. Em meia hora já estávamos lá dentro do que, por enquanto, eu aposto minhas fichas que foi o melhor programa da viagem!

O enorme espaço que um dia foi uma piscina pública se transformou no espaço da "platéia". De um lado, marmanjos super-hiper cool jogando queimada (não sei como é que chama esse jogo por aí pelo resto do Brasil e do mundo, mas para mim é queimada). Muuuito divertido!

Do outro lado, um brinquedo inflável daquele que vc corre e se joga na parada molhada e vai escorregando até o final (e sai todo molhado, claro!). Mais uma vez, marmanjos e marmanjas super-hiper cool (de roupa e tudo) enfrentando fila para escorregar no molhado!

Arminha de espirrar água também eram distribuídas para alegria das crianças grandes (e também para refrescar o calor). Photo booth para tirar aquelas sequências de fotos fazendo careta, mandando beijo, o que for! Cerveja a 6 doletas, cachorro quente a $3, muita água, banheiro químico cheiroso e sem fila, muita gente estilosa (vale um post sobre o assunto do que é ser estiloso no momento por aqui), a maior concentração de Wayfarer da cidade, e last but not least: muita música boa!!

Tall Firs, King Kahan and His Shirines, Deerhunter and Black Lips (a grande atração)! São quatro caras de Atlanta que fazem um som muito bom e se divertem horrores no palco! Muito bom! Nos intervalos entre um show e outro, um DJ arrasando e a gente só "filmando" os personagens de um evento super-hiper cool do verão de NY.

Deu no New York Times... Olha que bacana (muito melhor descrito do que esse humilde post)!

Fotos? Por motivos técnicos alheios a nossa vontade, não temos como postar fotos. A dumb #1 trouxe o carregador de bateria da câmera errada (sim, passei o dia sem câmera) e a dumb #2 não trouxe o cabo para passar as fotos da câmera dela para o computador. Amanhã pretendemos regularizar a situação e esse post será complementado com (boas) fotos.

2 comentários:

UtópicA disse...

Isto é uma intimição, Poste as fotos!

Essa Black Lips é bem legalzinha. Nã sabia do seu lado rock n' roll, baby!

enjoy, enjoy!

bjs

Re disse...

fotos, fotos, fotos.... queremos fotos, rsrsrsrs
A últtima pool party que fui, foi durante a parada gay e... quase morri de tantos corpos bonitos...
divirta-se nas férias....
beijos
Re