segunda-feira, 9 de junho de 2008

Feliz Dia das Crianças!

A proximidade do dia dos namorados me irrita um pouco! Chove e-mail de promoções das lojas, os shoppings ficam cheios de coração, propaganda de lingerie incríveis, a TV conta histórias mirabolantes de amor, as revistas só falam de dicas de presentes para ele e para ela, ... Maltido 12 de junho! Só serve para deprimir os solteiros. Poderia pular esse dia no calendário.

Passado esse momento "ódio do mundo dos namorados", viro o jogo e preparo um super dia dos namorados para mim. Posso até ficar em casa (claro! imagina se fosse para um restaurante sozinha comemorar? Louca ainda não estou.) mas fico com classe! Um filminho, um vinho, e claro: presente!! Adoro essa parte!

Há alguns anos que me dou presente de dia dos namorados. Sempre alguma coisa com coração, afinal de contas ninguém me ama mais do que eu mesma (apesar de nossas brigas e discussões de relação intermináveis). Eu mereço!

Meu guarda-chuva: presente meu para mim - cheio de corações, escrito mon amour. Tenho uma bijou fofa com um envelopinho que dentro tem uma cartinha gravada I love you. Tinha um casaco lindo com mega coração mas perdi num dos aeroportos da vida. Fiquei arrasada! Esse ano não poderia ser diferente! Uma camiseta incrível, com um ar vintage, cheia de corações! Linda! Estou apaixonada por ela!

Certas datas só têm graça enquanto a gente está inserido no contexto. Por exemplo, Dia das Crianças. É um dia como outro qualquer se você é adulto e não tem filhos. Páscoa ou Natal. Se você for judeu, não significa nada. É só mais um bando de feriados (que os shoppings adoram). Logo, o dia dos Namorados é como o dia das Crianças se você é solteiro.

E a gente também pode recorrer àquela máxima "Antes só do que mal acompanhado", embora tenha gente que prefira "Antes mal acompanhado do que só". Mas, cada um no seu quadrado! O meu vai ser sozinha mesmo, arrumando mala e feliz da vida!

Santo Antônio, está liberado do castigo e vai ficar de folga na sexta. Na verdade, ele está de licença por tempo indeterminado.

6 comentários:

Gastón disse...

12 de junho é o dia em que o Sto Antônio desliga o celular ;0) Tô aqui pensando no que fazer tb nessa data. Pensei em arrumar umas 3 amigas e fazer encenações de pessoas solteiras e promíscuas em todos os restaurantes de casalzinho de Sampa. Só pra eles terem inveja dos solteiros.

ANNA disse...

Hahaha! Ótima idéia, Gasta! Registra esse momento, por favor!

Re disse...

Apesar de ser casada meu marido mora longe e acha a data babaca, entnao eu me dou o presente que iria comprar para ele e junto com o dinheiro que acho que ele devia gastar comigo e comprou algo muito legal para mim.... azar o dele....
beijos
Re

Violet Scott disse...

Vamos fazer um banquete e fotografar todos os pratos? Depois fotografemos a mesa bagunçada e o vinho derramado.

E posso dizer que me irrito com todos os comerciais de coraçãozinho? Todos! São todos tão meigos que dói.

Gastón, posso ser a amiga número 4?

Beijo, Anna.

VS.

Wilson disse...

Anna, vou engrossar o coro... ou seja, depois do jantar de hoje começo a preparar minha listinha de amigos... rsss

DIVERSÃO, É SOLUÇÃO PRA MIM!!!

Bjs

UtópicA disse...

Eu e "ele" decidimos ser modernos e não dar bola pra data. E ficamos bem, e combinados assim.

Só não poderia pensar em aderir à "orgia gastronômica" (trocadilho, hehe) do Gaston, pois ainda não cheguei nesse nível de "modernismo". Mas tenho que confessar, rola uma
pontinha de inveja, hehe...