sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Luz no fim do túnel


Você também foi vítima do vestibular da PUC que parou o Rio? Aposto que seu perrengue não foi maior do que meu...

Trajeto inicial: Rio Centro (onde o Jacaré perdeu as botas) X Urca (onde eu deveria estar às 19:00)

Parte 1- 23 minutos de Jacarépaguá até o Fashion Mall (São Conrado).

Parte 2- 40 minutos do Fashion Mall até a entrada do túnel Zuzu Angel (uns 300 metros talvez). Primeira. Ponto morto. Primeira. Ponto morto. Já com dor na perna direita.

Informação relevante entre a parte 2 e a 3: acende a luz informando que a gasolina entrou na reserva. Resolvo então desligar o ar condicionado e abrir a janela, já que não faço idéia do que me espera pela frente.

Parte 3- 1 hora e 15 minutos dentro do túnel Zuzu Angel, com o ar desligado, a janela aberta, respirando poluição e o têrmometro marcando 39 graus. O medo de acabar a gasolina dentro do túnel foi muito maior do que a sensação de derreter literalmente. O santo foi forte e nada aconteceu! Nunca entendi tão bem o significado da expressão "ver a luz no fim do túnel". Tudo bem que já estava escuro mas pude respirar e sentir uma brisa no rosto melado.

Parte 4 - Leblon - abastecer o carro e pensar duas vezes antes de seguir adiante para pegar metada da aula. Mais 15 minutos até a Urca (ufa!). Não podia perder o meu único momento de prazer da semana por causa de 2:30 dentro do carro. Quase dormi mas pelo menos distraí a cabeça.

Como é que vocês, paulistas, aguentam tanto trânsito?? 

7 comentários:

Isabella Zappa disse...

também fui vítima do vestibular da PUC, mas o motorista do meu onibus como ele mesmo disse, fez uma bandalha e cortou caminho

Wilson disse...

ao menos a caipirinha estava boa, né?!

Re disse...

Ai, Anna...
Triste perder 2:30 do dia... Eles seriam tão melhor gastos com outras coisinhas mais divertidas...
Eu não aguento... Agora criei um horário alternativo de ir para o trabalho (por conta própria)... chego lá às 11 da manhã e vou embora às 8:30... simples... meu chefe odiou a minha idéia, mas agora 30 minutos de carro por dia!
beijos... e pense que podia ser pior... vc podia nem ter o mar por perto... sabe o fedor da marginal??? rs
beijos
Re

RM disse...

banco de traz do taxi ouvindo musica e lendo, nao saindo em horario de pico, nao indo ate Jacarepagua de carro, coisas do genero. lol.

Anônimo disse...

SINISTRO...

mc disse...

eu nao aguento! tanto que agora to bem longe disso. Na primeira semana de trabalho cheguei em casa as 17h30, e levei uns dias pra saber o que fazer com o tempo livre.

Brunno, disse...

Aula??? Como assim?!