domingo, 19 de outubro de 2008

Mayday

O assunto é vaso entupido! Vaso sanitário, não vaso sanguíneo.

Comecei a semana ouvindo uma história engraçadérrima que uma amiga no trabalho contou. Seu tio foi para os Estados Unidos sem falar uma palavra de inglês. Dentre os apertos que ele passou, o entupimento do vaso no quarto do hotel ele conseguiu resolver rapidinho!

Ao ver a água transbordar, não hesitou em passar a mão no telefone, ligar para a recepção e começar a gritar: "Mayday, mayday". Como ele já tinha ouvido, num filme, um piloto de avião usando a expressão numa situação de perigo, achou que ia funcionar. E funcionou.

Já eu, cheguei em casa, na quinta a noite e dei de cara com o meu vaso entupido. Como descobri que a minha sócia usa meu banheiro, só pode ter sido ela, já que eu saí de manhã e estava tudo normal.

Convivi com a água subindo até a borda e descendo até hoje de manhã, quando a maldita transbordou. E agora? Como é que se desentope um vaso? Nunca fiz isso na vida. Disque S.O.S Mãe. A instrução é simples: 

- Compra uma bomba de desentupir e mete bronca!
- OK, mas o supermercado acabou de fechar. 
- Então deixa para ela cuidar disso na terça.
- Mas agora sou eu que estou usando o banheiro de empregada!
- Então veja se o porteiro não tem para te emprestar.
- Tenho vergonha. O porteiro vai achar que eu entupi o vaso.
- Larga de ser boba! Vai lá e resolve logo.

Desci para pegar o instrumento, morrendo de vergonha e de medo de encontrar algum vizinho no corredor ou no elevador. Ufa! Consegui voltar ao terceiro andar sem cruzar com ninguém.

Algumas bombeadas e problema resolvido. Fui devolver rápido para ele entender que não era tão grave assim. E claro que nessa hora tinha que ter uma vizinha! Precisava???

Lembrete: na próxima ida ao supermercado, comprar um raio de uma bomba!!!

4 comentários:

UtópicA disse...

Pooo, eu ia postar essa historinha do mayday no meu blog...

Tudo bem, vc tinha mais motivo, já que rolou um "entupimento mayday" com vc, rs.

Vaso entupido é péssimo, ainda bem que eu sempre tive a minha bomba!

hehe, bjs

mc disse...

Aqui na Holanda o povo ainda esta acostumado a jogar papel no vaso, entao imagino que os canos devam ser beeeem largos. Gracas a Deus!

Re disse...

Ah! compra mesmo, pois eu tb tenho vergonha de ligar para o porteiro e da ultima vez, gastei 120 reais para o moço da desentupidora ficar 10 minutos em casa.... que raiva!!!!!
beijos
Re

ANNA disse...

A solução é a tal da bomba, meninas! E viva a Holanda! hehehe